Doações da JBS no Amapá totalizaram 2,5 milhões em 2014

0
10066

Um levantamento realizado pelo AMAPA.NET concluiu que a empresa JBS doou R$ 2.498.678,95 para a campanha de 2014 no Amapá. O dinheiro foi distribuído para campanha ao governo, senado e deputados federais.

O PMDB coligou com o PDT, logrando êxito na eleição ao governo (Waldez Góes), mas perdendo o senado (Gilvam Borges). O total de doações a coligação e candidatos totalizou R$ 1.227.753,50.

A dobradinha PTB/DEM que lançou Lucas Barreto ao governo e Davi Alcolumbre recebeu da JBS o valor de R$ 588.005,45. Lucas ficou em terceiro lugar e Davi Alcolumbre venceu com uma diferença pequena de Gilvam Borges.

Para a deputados federais foram doados R$ 682.920,00, divididos entre 5 candidatos. Evandro Milhomen recebeu R$ 350.000,00 mas ficou com a suplência e hoje ocupa o cargo de secretário municipal de Assuntos Extraordinários de Macapá. Vinicius Gurgel recebeu R$ 180 mil e foi eleito deputado. Fátima Pelaes ficou com a suplência, e hoje ocupa o cargo de secretária de Políticas para as Mulheres do governo Temer. Sebastião Rocha recebeu R$ 50 mil e não conseguiu reeleição. O ex-deputado Eduardo Seabra recebeu R$ 2.920,00 e também não conseguiu voltar a câmara.

Todas as doações identificadas foram através dos direções nacionais ou através do comitê da campanha do Michel Temer, e podem ser comprovadas no site do TSE.

Confira a tabela de doações.

Doação a partidos
Candidatos aos governo
Candidatos ao senado
Candidatos a Câmara Federal

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here